Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




diz também Carlos Velasco: " Na minha opinião, penso que é mais que chegada a hora de delegar mais poderes e responsabilidades aos municípios e, ao mesmo tempo, reforçar aquilo que deveria ser a atribuição principal do governo de Lisboa; a defesa da soberania e a manutenção de forças armadas compatíveis com uma nação independente. "

É bom sabermos que cada vez mais - e eu sei que somos cada vez mais - pensamos assim.

 


"Toda a Verdade passa por três fases!
Primeiro, é ridicularizada.
Segundo, é violentamente atacada.
Terceiro, é aceite como evidente"

 

disse Schopenhauer

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:24


4 comentários

Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 07.06.2010 às 21:39

o sistema não deixa que lhe tirem o pão dos amigalhaços e compadrio.
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 08.06.2010 às 19:12

A lentidão é apanágio do povo do Sul, é verdade, mas chega sempre o dia em que a " a evidência " fala mais alto; por vezes essa lentidão tem custos enormes.
Sem imagem de perfil

De Carlos Velasco a 10.06.2010 às 23:12

Cara Cristina,

Foram muito bem escolhidas as palavras do Schopenhauer. É mesmo isso que está a se passar. Resistimos a primeira fase com estoicismo, estamos a combater a segunda com coragem e a terceira já se vislumbra no horizonte.

Cumprimentos luso-tropicais.
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 11.06.2010 às 18:07

Tenhamos nós força para não desistir, Carlos
Cumprimentos de uma terra que hoje está especialmente fria :)

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas