Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Lisboa Arruinada: Saldanha (44)

por Nuno Castelo-Branco, em 15.09.10

O banditismo urbano está em alta. A Câmara Municipal de Lisboa, é sempre bastante lesta quanto à intervenção no demolicionismo em prol dos interesses do costume. Já se encontra em fase de "análise" e está bem visível na fachada, um vergonhoso projecto que se destina à substituição de dois bonitos edifícios da passagem dos séc. XIX-XX. No Saldanha, ao indecente "Monumental novo", ao horrível "Atrium catalão" e ao mesquinho mamarrachinho de Taveira, somar-se-á uma bestificante construção destinada a ser um hotel ao "estilo Sana".

 

A liquidação da Lisboa do Fontismo vai de vento em popa. No Largo da Estefânia, já foi abaixo o prédio Belle Époque onde Pessoa residiu. Na Fontes Pereira de Melo, o palacete de esquina com a António Augusto  Aguiar, já tem os tapumes que indicam "obra" (qual?). No Largo do Rato, regressa o projecto do imenso mamarracho da esquina.

 

Quem poderá pôr cobro a este desastre?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:44


6 comentários

Imagem de perfil

De João Pedro a 16.09.2010 às 16:19

Escandaloso! Sempre julguei que estes dois edifícios fossem preservados, pelo menos a sua fachada. Se forem abaixo, é um crime urbanístico. E assim, só ficará no Saldanha a casa amarela onde morou o meu avô quando era pequeno. Bem sei que não se pode preservar tudo (no caso do Atrium, até acho o edifício agradável, ao contrário do neo-Monumental, e não acho que o anterior prédio do anjo fosse muito interessante), mas isto começa a tomar foros de desgraça.
Sem imagem de perfil

De Luís a 16.09.2010 às 21:20

Ao menos alguém tire fotos e guarde para o futuro. Não moro em Lisboa, infelizmente não o posso fazer. O centro da minha vila, com belas casas típicas do final do século XIX e do início do século XX, ornamentadas com platibandas decoradas, chaminés rendilhadas, açoteias e portas de reixa já foi quase totalmente demolido, para dar lugar a mamarrachos ao estilo Amadora. Tudo em menos de 20 anos.
Imagem de perfil

De Bic Laranja a 20.09.2010 às 00:12

Ninguém.
Não vai sobrar nada. E tome noção que andamos a pugnar por prédios de rendimento. Os ricos palacetes só há memória. Sobram um ou dois como o da Av. da República nº 1 que já tarda a ser demolido.
Cumpts.
Sem imagem de perfil

De M. Mendonça a 20.09.2010 às 22:56

Boa Noite

Nunca pensei que tocassem neste prédio - estava, à espera, que existisse um pouco de bom senso, e se fizesse uma obra que desse dignidade à fachada do edifício, que bem merece!

Como se não bastasse o autêntico atentado, com a construção, a uns metros mais à frente, de uma "pseudo-taveirice", agora ainda vamos ter uma Praça do Saldanha ainda mais descaracterizada....

É uma pena ver desaparecer um prédio tão bonito, com umas varandinhas em vitral tão encantadoras...Mas será que não percebem que nunca mais se vai construir nada assim?!



Sem imagem de perfil

De Perdi a paciência a 04.08.2011 às 01:27

Já foi abaixo. Infelizmente lá vem mais um mamarracho tipo Lego. 
Sem imagem de perfil

De Margarida a 07.10.2011 às 10:20


E qual não foi a minha surpresa quando há dias no lugar dele existia um "monumental" vazio...

Comentar post







Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas