Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Pois sim, mas fez!

por Nuno Castelo-Branco, em 18.09.13

Não moro nem voto em nenhuma das freguesias de Oeiras, local da residência dos meus pais. Esta manhã, diante do café Vera Cruz em Caxias, fui abordado por um grupo de apoiantes do candidato - e ainda presidente em exercício - à Câmara Municipal. Nem sequer lhes dei a oportunidade de tecerem grandes considerações a respeito do programa de Paulo Vistas. Ele beneficia do legado do seu antecessor e os seus militantes ficaram agradavelmente surpreendidos quando peremptoriamente lhes declarei que dado o actual estado da capital portuguesa, gostava de ter tido Isaltino Morais como presidente da Câmara Municipal de Lisboa. Sabendo-se tudo aquilo que se lhe aponta - e em parte se comprovou -, o seu trabalho à frente da edilidade com sede na antiga  propriedade de Sebastião José de Carvalho e Melo, é de molde a merecer algum respeito. Ruas limpas, passeios e jardins cuidados, bairros sociais impecáveis, atenção à chamada terceira idade, actividades culturais, polos empresariais, interesse pelo património, defesa dos animais. Com o que temos desde há décadas sofrido em Lisboa - assumida destruição patrimonial, negócios esquisitíssimos e sem eco mediático, amiguismo em certos gabinetes, betoneirismo, lixo a céu aberto, fachadismo assumido em múltiplos sectores -, creio ser Oeiras um caso bem distinto.

 

Alguns dirão: ...Aaaah, ele é isto e mais aquilo, fez aquilo e aqueloutro! Bem sei, pode até ser verdade, mas conhecendo-se o que se tem passado em Lisboa, nem sequer hesitaria por um segundo. Como há uns anos até o Otelo dizia, ..."mas faz!"

 

Não, nem sequer proporcionei qualquer conversa "moita-carrasco" a respeito do transumante recentemente chegado à lide eleitoral. Andar de avental fora da cozinha já me parece coisa anacrónica e perfeitamente escusada, mas ser retinta e escandalosamente republicano, isso já é algo que de forma alguma engulo.

 

E lá vai a minha querida mãezinha votar em Paulo Vistas*. No domingo eleitoral, lá estarei em sua casa para a conduzir ao local onde votará. Caciquismo meu fora de qualquer cogitação, claro está. É mesmo só "para chatear". 

 

* Não conheço Paulo Vistas. Nunca o vi nem mais magro, nem mais gordo. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:28







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas