Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Il n'y a pas du pain pour des fous!

por Nuno Castelo-Branco, em 02.09.08

Fonte absolutamente fidedigna, informou-me de Bangkok que se espera a qualquer momento a confirmação do fracasso da tentativa de assalto às instituições, perpetrada pelos manipuláveis centuriões dos grandes interesses económicos e da agiotagem mise au pas pelos mesmos de sempre. No Reino do Sião não existirão tomadas de Bastilhas, nem assaltos ao Palácio de Inverno. Ali não há lugar para pretensos heróis de Banhos de S. Paulo ou de duvidosos resistentes de Rotundas. Não se vislumbra qualquer possibilidade para tubaronagens emBalsemistas, ou hienismos enCavacados. Não existirá uma normalização ao estilo CMVM, nem enSONAEzização do quotidiano. A Tailândia continuará Unida e em Ordem e gostosamente apetece-me utilizar a feliz expressão popular ..."não há pão para malucos"..., ou melhor, no linguarejar literalizado da pátria dos revolucionários bon chic bon genre, ..."il n'y a pas du pain pour des fous"... LOLOLOLOLOL!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:33


4 comentários

Sem imagem de perfil

De mike a 02.09.2008 às 21:41

Em Bangkok deve ser mais there's no bread for crazy people. ;-)
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 02.09.2008 às 23:44

Pois, eheheheheh, mas eu queria era gozar com os "nossos" donos, são todos pró-fanfreluches, sabe? ehehehehe
Sem imagem de perfil

De JMB a 03.09.2008 às 04:51


Só espero que a fonte que reconheço, esteja bem resguardada.
Fontes destas não existem.
Obrigado.
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 03.09.2008 às 09:07

Está, está, JMB, não se preocupe. Os estrangeiros ali riem em casa e não se metem nos assuntos do país. Oxalá aqui fosse o mesmo...

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas