Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Carta a Filipa Kahn no dia do seu aniversário

por João de Brecht, em 28.11.08

          

 

 

 

 

 

 

                                                                           Belém, 28 de Novembro de 2008

 


Fi,

 

É impressionante a forma como as palavras vão perdendo sentido quando imponentes gestos florescem do nada; a derradeira teoria é derrotada com o mais simples toque, e o ser-se humano torna-se relativo.
Compareces hoje à porta da dourada e negra entrada na vida adulta. Digo-te que os encantos da liberdade rapidamente se confrontam com todo um rol de encargos que nos fazem questionar se queremos realmente crescer. A única certeza que te posso dar é que enquanto eu andar por aqui, terás sempre um porto de abrigo e a minha amizade e amor incondicionais. 
Não é segredo que tens sido um dos mais fortes pilares da minha nova vida, aqui longe de casa e da meninice de que tanto sinto falta. Leio dos teus lábios as mais profundas histórias de amor surreal que me deixam inerte e atento a cada pormenor.
Fui invadido por uma orgia de sentimentos de uma forma tão exposta, mas no entanto tão hermética que pareço carregar aos ombros o maior segredo da história da humanidade. Toda a mística que nos tem envolvido tem um toque de demanda do Santo Graal, a procura infindável de detalhes nas mais pequenas coisas que compõe o nosso dia-a-dia, sempre com o olhar no infinito e na realização.
Passemos então pelos Jardins de Belém, ou pelos de Éden se preferires, contemos mil e uma mentiras a cada arbusto e façamos da conspiração o ópio da Natureza viva. Dêmos as mãos. Façamos de cada passo um caminho.
Que futuro? Nada espero senão tudo. A descoberta da verdadeira alquimia, aquela que transforma qualquer sentimento em amor, aquela que enlouquece apaixonados e não gananciosos, ignorando a emancipação dos objectos.
 

 

 

Muitos Parabéns!

Adoro-te.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:50


11 comentários

Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 28.11.2008 às 17:36

Puuuuuxa....!
Imagem de perfil

De João de Brecht a 28.11.2008 às 17:44

La piu bella ragazza del mondo...
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 28.11.2008 às 19:27

Vê lá se me dizes como é que podemos postar fotos assim tão grandes. As que tento colocar, são sempre minúsculas, que maçada.
Imagem de perfil

De João de Brecht a 29.11.2008 às 02:09

Isso depende do sítio de onde as tirares. Por exemplo se for do Hi5 ou do Google (pesquisa de imagens) elas ficam do tamanho real, enquanto que se for por upload elas ficam com um standart médio!

Espero ter ajudado =)
Sem imagem de perfil

De Filipa Kahn a 28.11.2008 às 18:07

Obrigada Joao Vasco. Obrigada por todos os momentos. Obrigada por todas as palavras. Obrigada por tudo.
Sei que qualquer texto que escreva jamais alcançará alguma letra tua.
Mais uma vez agradeço.
"Eu sou alto, mas tu és grande!"

Adoro-te
Imagem de perfil

De Samuel de Paiva Pires a 28.11.2008 às 18:21

Parabéns Filipa!
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 28.11.2008 às 19:10

Já agora, parabéns!
Sem imagem de perfil

De JMB a 28.11.2008 às 20:20

Parabéns aos dois !
Imagem de perfil

De João de Brecht a 29.11.2008 às 02:12

Muito Obrigado :)
Sem imagem de perfil

De Lady-Bird a 28.11.2008 às 21:28

Boa João! assim vai longe!

Parabéns à Filipa!

Beijinhos aos dois!
ps: é sempre bom saber que há jovens assim felizes! e que não são como eu, cheia de complicações...
Imagem de perfil

De João de Brecht a 28.11.2008 às 23:20

A complicação não é necessáriamente incompatível com a felicidade,
Continua a demanda Lady-Bird!

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas