Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pegando no desafio (2 )

por Cristina Ribeiro, em 24.02.09

Lembrei-me de uma patifaria, de que tinha já falado no outro blogue: era o Natal dos meus seis, sete anos- e penso-o assim porque  havia já algum tempo que me tinham caído os dentes de leite- ; na véspera colocáramos, como sempre, cada um de nós, um sapato no fogão de lenha, e só íamos ver os presentes na manhã seguinte, assim que os pais autorizassem.

         Dessa vez fui a primeira a chegar, e vi que no meu sapato estava um fantoche de uma velha desdentada, enquanto no de uma irmã mais nova estava uma princesa de vestido azul e coroa- trocá-los foi uma questão de segundos.

Quando a minha irmã chegou e  viu o que lhe coubera em sorte, lamentou-se:-" O Menino Jesus enganou-se; eu não sou a mais velha. "

E, claro está, que os meus pais nada puderam dizer...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:22


5 comentários

Sem imagem de perfil

De Joana a 24.02.2009 às 13:32

Eheheh! Ainda guarda a boneca, Cristina?

Aproveito para contar também uma peripécia da minha infância. Andava eu na escola primária e era frequente passar as tardes em casa de uma amiga, onde fazia os TPC. Cópias e contas feitas, íamos para fora de casa brincar. Essa amiga tinha um vizinho um pouco mais velho que nós, que passava a vida a intrometer-se nas nossas brincadeiras. Certo dia, fartas dos palpites do Dinis, engendrámos um plano: oferecemos-lhe um rebuçado! Ele, pensando tratar-se de um sinal de tréguas da nossa parte, foi com a sede toda ao pote, desembrulhou-o e meteu-o na boca! :-D O que o Dinis não sabia é que já alguém o tinha desembrulhado e polvilhado previamente com uma boa dose de pimenta!!! Ihihihihih! Podem, portanto, imaginar a cena que se seguiu!!! Não satisfeito com a lição que lhe demos, e depois de ter bebido muitos copos de água, ainda teve coragem para ir fazer queixinhas! Ouvimos um raspanete, claro está, mas nada que se comparasse ao divertimento que sentimos com a partida que pregámos!
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 24.02.2009 às 15:06

Infelizmente desapareceram com as mudanças de casa, Joana...
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 24.02.2009 às 19:23

Bah, ehehehehe, as vossas partidas eram mesmo de meninas, tão soft.core. Nem podem imaginar as nossas!
Sem imagem de perfil

De Joana a 24.02.2009 às 19:58

A minha avó não dizia o mesmo, Nuno! Enquanto os meus pais trabalhavam, passou um mau bocado comigo, coitada! Quando não conseguia fugir de casa, aprontava das minhas! Certo dia, estava eu na sala; a minha avó andava pela cozinha. Nisto, ouviu um estrondo... Quando chegou à sala ficou petrificada ao ver a televisão estatelada no chão com os botões todos partidos! (Anos mais tarde o meu primo cometeu a mesma proeza, só que teve mais azar, que a televisão caiu-lhe em cima e partiu-lhe uma perna!)

Quando às vossas partidas, Nuno, tem que seguir a sugestão da Cristina e dar-nos mais uns lamirés! Estamos todos curiosos!
Sem imagem de perfil

De Joana a 24.02.2009 às 19:59

"Quanto às vossas partidas", digo

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Em destaque

  •  
  • Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas