Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Oiço na Rádio

por Cristina Ribeiro, em 02.03.09

 

que Amélia Rey Colaço nasceu em Lisboa há 111 anos.

Desta filha de um professor do Rei D. Manuel II, Alexandre Rey Colaço, muito ouvi o meu pai falar, dos seus desempenhos no Teatro. Muitas foram as vezes em que o ouvi descrever a cena em que, batendo com a bengala no palco, ela exclamava " As árvores morrem de pé! ".

Na altura em que a televisão transmitia peças de teatro...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:44


9 comentários

Sem imagem de perfil

De Luis Bonifácio a 02.03.2009 às 15:02

Agrande interpretação de "As árvores morrem de pé" foi de Palmira Bastos.
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 02.03.2009 às 15:34

Também se lhe referia, sim, com uma interpretação magistral, ao que parece, mas como a aniversariante é esta...
Sem imagem de perfil

De Joana a 02.03.2009 às 16:28

E eu que hoje de manhã andei a pensar na Amélia Rey Colaço... Não fazia ideia que se comemorava hoje o seu 111.º aniversário. Que saudades das suas representações, assim como das da Mariana Rey Monteiro...
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 02.03.2009 às 18:27

Joana, soube desta efeméride por uma rádio local...Não ficaria mal à RTP repor uma obra de uma Senhora que tanto fez pela casa, pois não? Temos " fome " de coisas com qualidade...
Dela e doutros grandes artistas, como referida pelo Luís, e que a grande maioria de nós nunca viu representar...
Sem imagem de perfil

De Joana a 02.03.2009 às 19:55

Pois não, Cristina! Não sei para que serve o programa do provedor! Para além de ser uma tremenda seca, não liga a mínima para os pedidos insistentes dos telespectadores para que se passe teatro na RTP.
Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 02.03.2009 às 19:16

Ainda me lembro das actuações dessa senhora...

Hoje temos as actuações de umas novelas que chateiam o pessoal e o incentivam a ir ler um livro ou dormir.
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 02.03.2009 às 19:35

Tenho para mim que a televisão é o primeiro transmissor da decadência...
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 02.03.2009 às 23:11

Vi essa peça , mas com a Palmira Bastos. Ao vivo, no Monumental, e na RTP que, na altura, ainda exibia peças de teatro.
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 03.03.2009 às 01:02

Quisera eu, Carlos. Parece que era fantástica.

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas