Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Chulices Sarkozianas

por Nuno Castelo-Branco, em 30.05.09

 

 

Essa ridícula caricatura do país que outrora foi a França, atreve-se pela decisão do seu não menos vulgar e caricato miston-president Sarkozy, a cometer um despautério de contornos guignolescos.

 

Aproximando-se as comemorações do desembarque na Normandia, o actual cônjuge da Bruni decidiu não convidar a rainha Isabel II para as ditas cerimónias. Inacreditável, o descaramento que os parisienses comedores de rãs manifestam, sempre que alguém ameace tirar-lhes o protagonismo! Não valendo a pena sublinhar o festivo e quase triunfal acolhimento que a população rural francesa lhe dispensa - ignorando ostensivamente os consecutivos residentes do Eliseu -, convém recordar o simples facto de Isabel II representar  um país que foi essencial para a sobrevivência da própria França. Durante a II Guerra Mundial, enquanto a colaboração gaulesa com o ocupante era a nota dominante - e até de forma lúdica parodiada na impagável série Allo-Allo -, os ingleses souberam mostrar a sua fibra e condescenderam em patrocinar as FFL de De Gaulle, ínfimo movimento que mercê da evolução do conflito, acabou por se transformar num verdadeiro governo exilado que permitiu aos franceses apresentarem-se em 1945, como injustos vencedores numa guerra para cujo desfecho pouco contribuíram.

 

Será uma reunião de homenzinhos, desde o miston Sarkozy ao inenarrável Medvedev e outros partenaires habituais nestas comemorações onde cada vez mais, o sentido da história se perde em benefício do alçar de criaturas que normalmente nem numa nota de rodapé seriam mencionadas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:32


7 comentários

Imagem de perfil

De António de Almeida a 30.05.2009 às 21:08

Essa ridícula caricatura do país que outrora foi a França

Permita-me discordar da 1ª frase caro Nuno, ou estará a referir-se a tempos imemoriais?
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 30.05.2009 às 21:39

António, por vezes perco a cabeça e exagero. Mas não há dúvida: a qualidade dos políticos que eles têm tido, é de um nível incomparavelmente inferior aqueles outros que nos deram uma certa ideia que o mundo tinha da França. Sarkozy é simplesmente ... nem sei!
Sem imagem de perfil

De José Manuel Barbosa a 31.05.2009 às 00:15

Essa do "cônjuge da Bruni" é do melhor. Comedores de rãs, caracóis e a coisa mais nojenta e mal-cheirosa, insuportável, do mundo, a "andouillette". Bhaarrrggh!
Sem imagem de perfil

De M. Mendonça a 31.05.2009 às 09:13

Parece-me que esse senhor, deve estar mal acessorado, pois se tivesse um melhor Know-How em Diplomacia, não cometeria semelhante "gaffe".

Como sempre o Nuno Castelo-Branco tem muito sentido de humor, ao falar de temas sérios :)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 31.05.2009 às 23:14

O Sarkozy é muito fidalgote de província no mau sentido da coisa, mas não convidar a Rainha de Inglaterra parece-me ajustado. O que faria a Rainha de um país vencedor ao lado de tanto vencido (França, Alemanha...)?
Imagem de perfil

De Paulo Soska Oliveira a 01.06.2009 às 19:23

Bah, nem convidou ninguém da Polónia também...

Traidores Ocidentais.
Sem imagem de perfil

De Rui Monteiro a 11.06.2009 às 21:04

Sarkozy é fidalgo de sangue, é de origem de uma família nobre da Hungria salvo erro.

Quanto ao resto ... o que esperam de um homem que se casou com uma mulher que compete coma a menina de peito ao léu ? afinal é a república ou a mulher dele ? ´+e que eu já cartazes da mulher dele descascada :)

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas