Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Grandes balelas

por Samuel de Paiva Pires, em 09.06.09

A equipa dos blogs do Sapo colocou em destaque um blog que desconhecia e que mais parece um autêntico anedotário demagógico - o blog do Jovem Socialista. Juro que fico pasmado com tamanhas enormidades e certezas que por ali parecem ter. Atente-se por exemplo nisto:

 

Mas se há algo que dificilmente pode ser motivo de controvérsia é que a direita ampliou a sua maioria no Parlamento Europeu, e foi precisamente esta direita e as suas opções políticas que empurraram o mundo para a crise financeira e económica com que nos vamos deparando.

 

Bom, eu de facto não sei confirmar se foi esta ou outra direita, mas ontem à noite num qualquer programa de televisão ouvi Rui Tavares dizer que foi o centro-esquerda que se deixou ocupar pelas políticas neoliberais. A mim parece-me que importa realmente é responder à pergunta do João Miranda (e aproveitem para ver o mapa): Alguém já conseguiu explicar porque é que a crise do neoliberalismo penalizou os partidos de esquerda?

 

Mas este blog do Jovem Socialista ainda nos dá pérolas como esta:

 

Não entendo que haja mau perder na reacção do PS à derrota eleitoral de domingo. Entendo que há, infelizmente, um espanto com o nível de incompreensão das medidas governativas que foram levadas a cabo nos últimos anos.

 

É isso mesmo. Aquela sala vazia e os placards rapidamente desmontados, a má disposição dos ministros que foram saindo do Altis ao longo da noite, nada disso foi mau perder. Ah e sim, é isso mesmo, muita incompreensão por parte do povo que não consegue sequer almejar o estado de iluminação e sapiência deste governo na condução do país. Talvez se se esforçassem por comunicar mais e melhor, se acabassem com a demagogia barata, rude e de mau tom assente na maioria absoluta que detêm no parlamento, e se não julgassem ser detentores de uma qualquer verdade absoluta só ao alcance de uns poucos, talvez assim a sociedade portuguesa não estivesse tão fragmentada e cansada.

 

E porque não terminar este post com este magnifico cartaz:

 

 

Seria possível ser mais ridículo?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:29


18 comentários

Sem imagem de perfil

De André Ventura da Costa a 09.06.2009 às 19:23

Perfeito. De facto, começa a não haver paciência para "bullsh*t" dessa malta...
Imagem de perfil

De João Correia a 09.06.2009 às 20:08

Bem Samuel Pires,

Desmente lá que o PSD não manteve o mesmo eleitorado e que o PS perdeu parte do seu eleitorado para os partidos à sua esquerda!

Desmente lá que a culpa da actual crise internacional não é culpa das políticas neo-liberais dos partidos de Direita que, em todos os países e sobretudo nos EUA, deram a mão à forma de capitalismo mais excêntrica até hoje vista...

O Jovem Socialista é um blogue oficial e não tem de ser imparcial, bem pelo contrário. Acredita e contribui para a reflexão interna na JS e no PS. Balelas serão para ti... como, para mim, leviano e volúvel é este blogue!

Um abraço,
Imagem de perfil

De Luís Pereira a 09.06.2009 às 20:40

Caro João Correia,

nem mais!

Cumps
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 09.06.2009 às 23:23

Luís, olhe que aqui, as críticas são extensíveis a todos aqueles que prevaricam. Não existem por cá "filiados", "afilhados" nem "afiliados". Quando se torna necessário, casca-se e pronto... Ou não é isto a democracia? No entanto e ao contrário de alguns blogues da "esquerda moderna" e da direita da "4ª" futura ex-república, não lerá uma única linha com ataques pessoais, insultos gratuitos e faltas de respeito aos órgãos do poder. Olhe, para variar, veja o que se escreve pelo 5Dias e Jugular, etc.
Imagem de perfil

De Luís Pereira a 10.06.2009 às 01:07

Agradeço o apontamento meu caro,

Quanto ao 5 dias, procuro evitar, não vem dali grande coisa. E da minha parte, asseguro-lhe que não é coisa que costume fazer - insultos.

Cumprimentos e bons posts
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 09.06.2009 às 23:17

Volúvel... realmente parece ver-se ao espelho, esta pseudo-esquerda com demasiados tiques neo-liberais. Foi exactamente a política até hoje desde sempre prosseguida pelo governo e a "intervenção " no BPN foi entãio o quê? Decerto uma leviandade, para ajudar sabemos muito bem quem. Porque não fazem então o mesmo com os BPP's? A resposta é simples: não há telhados de vidro a proteger. Enterrados até ao pescoço em negócios rosa/laranja escuros, como ousam apontar o dedo a alguém? Já viu bem a vergonhosa política betoneira da Câmara Municipal de Lisboa e o rol imenso de crimes de demolição que avaliza todos os dias? Em prol de quê e de quem? Do betão...
Já agora, o que pensa da mobilidade ministerial dos "rotativos", que do governo passam directamente para as Telecom, Motas Engis, Iberdrolas, etc. Socialismo? Coitado do Antero de Quental e do Azedo Gneco...*

* Já sei o vai dizer: não passavam de uns monárquicos "reaccionários".
Imagem de perfil

De João Pedro a 09.06.2009 às 23:45

Já agora, pergunto aos caros JSs o que é o "direito ao TGV", e em que ficou a sua noção de "espaço Vital" da Europa.
Uma vez alguém comparou os partidos perdedores de eleições às criancinhas que apanham choques quando metem a mão numa ficha eléctrica, e acham que a culpa é da ficha. A Js devia era procurar meterm menos a mão...
Imagem de perfil

De Samuel de Paiva Pires a 09.06.2009 às 23:54

Caro João Correia,

Não entro em demagogias e em adivinhas do "perdeu o eleitorado para não sei quem" ou para "desmentir de quem é a culpa da crise". Isto são questões demasiado sérias e complexas para serem tratadas de forma tão leviana e demagógica, mas entendo que para os partidos (todos eles) e respectivas juventudes partidárias assim seja, afinal é a propaganda com efeitos eleitoralistas no seu esplendor...

Já agora, operacionalize o conceito de neo-liberalismo e diga-me lá o que é isso mesmo. Aliás, convido-o a si ou a qualquer elemento do Jovem Socialista a escrever um texto sobre tal e comprometo-me a publicá-lo aqui. E afirme também com propriedade de quem é a culpa da crise, mas adianto-lhe desde já um simples conceito à luz da teoria sistémica: o sistema financeiro internacional é demasiado complexo para qualquer ser humano, por mais esclarecido que seja, o entender na sua totalidade e conseguir verificar hipóteses e inferir generalizações cientificamente válidas. Milhares de economistas o tentam e não conseguem, mas, tal como escrevi acima, comprometo-me a publicar aqui o texto que algum de vós se proponha escrever.

Eu não disse que tenha que ser um blog imparcial. Por aqui também não nos armamos em imparciais e não tentamos enganar ninguém, quem nos lê sabe bem ao que vem. E em resposta ao post do caríssimo Tiago, há ali um qualquer problema de comunicação pois eu não afirmei que nesse blog se sintam superiores seja a quem for, eu referi-me ao Governo socialista e à actuação de José Sócrates.

Quanto a este blog ser leviano e volúvel, lá está, é a sua opinião e está no seu direito.

Saudações
Imagem de perfil

De Carlos Apolinário a 09.06.2009 às 21:20

Apoiado André!

E mais, afirmar que a Direita é responsável pela crise económica e financeira além de ser descabido, revela também um pouco de desconhecimento da dinâmica e volatilidade dos mercados internacionais e dos actores não governamentais que aí intervêm!

No entanto eu, daqui a 10 anos vou escrever quase o mesmo meus amigos, apenas vou mudar umas quantas palavrinhas:

"Mas se há algo que dificilmente pode ser motivo de controvérsia é que foi esta esquerda, no seu mandato de 2005-2009, que deu o empurrão definitivo para a crise económica que o nosso pais vive hoje"

Forte Abraço a todos
Sem imagem de perfil

De Lady-Bird a 09.06.2009 às 23:18

conheço mais de metade da malta que lá anda...em nada me espanta... uns da Faculdade, outros de Escola... sendo que uns são mais respeitáveis que outros, te garanto...
cada um é como quer e diz o que quer, não quer dizer que eu aceite ou que seja verdade...
Samuel, deixa-os falar... eles falam, falam, falam, mas eu não os vejo a fazer nada... e olha não fico nada chateada, já estava à espera!

beijinho
Imagem de perfil

De Samuel de Paiva Pires a 10.06.2009 às 00:56

Também conheço uns quantos Lady-Bird, e muitos deles são de facto boas pessoas e respeitáveis, mas há outros tantos que enfim...

Beijinho
Sem imagem de perfil

De António de Andrade a 10.06.2009 às 00:15

Desde os tempos de Ricardo (o David, não o Quaresma) que se tenta perceber todas as movimentações e orientações da economia internacional porque já não há economias só nacionais (assistimos a uma liberalização das economias em movimentos geofinanceiros fulcrais que contribuem para uma total globalização da crise económica mas não vale a pena alargar neste tema porque se não teríamos que evocar teorias tão complexas como as de Walras e as Menger) e basta-nos chegar à lei de Say para perceber porque mais tarde não nos viemos a manter Keynesianos e nos tornámos fans de um Lucas que não é o do Star Wars. No fundo a economia pode explicar-se de muitas formas, desde a explicação comum do povo baseada em Malthus e Smith a explicações mais práticas como Marshall ou mesmo Keynes? Isto para dizer que a crise nem sequer é económica, é financeira, mas para compreender isso precisamos de ser mais como Jevons, e manter a mente aberta: o que não está ao alcance de todas as mentes filiadas porque a formatação é sobrinha da filiação e equivale a uma estagflação brutal do que não tem preço: o conhecimento. No fundo, basta-nos esperar para que exista hipótese de um estímulo macroeconómico que reanime a nossa economia cerebral: pensar mais e consumir menos é o que nos vai fazer sair desta depressão.

Quanto à culpa, já dizia o outro: a culpa é como a mão, é invisível.
Imagem de perfil

De Samuel de Paiva Pires a 10.06.2009 às 00:53

Caríssimo António Andrade,

Tomei a liberdade de pegar neste seu comentário e colocá-lo como post no blog!

Cumprimentos
Imagem de perfil

De António de Almeida a 10.06.2009 às 00:50

A sala do Altis ficou vazia, porque numa espantosa e infeliz coincidência avariaram 2 autocarros, um que vinha do Alandroal outro de Cebolais, perto de Castelo Branco...
Imagem de perfil

De Samuel de Paiva Pires a 10.06.2009 às 00:53

E o pior é que até é bem capaz de ser verdade António... :)
Imagem de perfil

De Luís Pereira a 10.06.2009 às 01:09

Garanto-lhe que a sala estava bem cheia e que todos estivemos lá para aplaudir Vital Moreira e José Sócrates, nos bons e nos maus momentos é isso que significa acreditar num projecto.
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 10.06.2009 às 02:05

Espero que a vitalidade do Vital não lhe dê um dia destes para um regresso ao vitalismo dos anos 70-80, quando pretendia arranjar um Lebensraum (espaço vital) para o PS, isto é, um campo de concentração. E com o Soares transformado em Masarik ou Imre Nagy.
Imagem de perfil

De cneves a 10.06.2009 às 11:52

Também escrevi sobre o assunto aquihttp://a-terra-como-limite.blogs.sapo.pt/79845.html...
Parabéns por este espaço que visitei agora pela primeira vez!
Um abraço
CNeves

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas