Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Granda Jel

por Samuel de Paiva Pires, em 24.06.09

 

(imagem tirada daqui)

 

Jel em entrevista ao i:

 

Essa candidatura à Câmara de Lisboa é para levar a sério?
Claro. Já estamos a recolher assinaturas.

Quantas faltam?
Temos mil e precisamos de 4500. Acho que vai ser fácil. Se conseguir estar no boletim, posso muito bem vir a ser vereador.

Mesmo sem um programa eleitoral?

Não tenho nem vou ter. Só levo uma proposta: transformar os jardins de Lisboa em hortas para o povo.

Mas as pessoas vão levar a candidatura a sério?
Não, mas é esse o objectivo. É nestas alturas de abstenção, quando o povo está descrente, que surgem os malucos a gritar. E o povo adora isso

 

(...)

 

É filiado nalgum partido?
Não. Já andei próximo do "berloque" de esquerda, em 1999. Cheguei a ir a algumas reuniões, ajudei a colar cartazes, organizei umas festas. Mas depois desiludi-me, por causa da ideologia. Para mim, tudo o que é ideologia, faz-me retrair.

E o seu partido, não tem ideologia?
O meu não. Vai chamar-se Todo Partido e o objectivo é, depois das eleições, ser um aglutinador de candidaturas semelhantes, ser a base para alguém se candidatar a um junta de freguesia, por exemplo.

Votou nas últimas eleições?
Não, agora só voto em mim. Por isso é que me vou candidatar.

Tem cartão de eleitor?

O primeiro já o fumei. Depois não voltei a tirar, era mesmo bom para fazer filtros...

 

(...)

 

Nenhum canal generalista vai apostar no Jel. Têm os Contemporâneos, os Gato Fedorento...
Não sei porque têm medo, já provamos que somos produtivos. Gosto do Nuno Lopes e acho os Gato previsíveis. Já disse que eles são betinhos e é verdade: é pessoal do Colégio São João de Brito.

E o Jel onde estudou?

Na Secundária de Odivelas, hard-core motherfucker [risos]. Até facadas havia. Eu era da tribo dos punks, tinha crista e tudo. Daí a alcunha Jel.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:43


9 comentários

Sem imagem de perfil

De Sônia Regina Fernandes da Costa a 24.06.2009 às 15:32

Se o povo português está tão desiludido com políticos como o brasileiro, Jel tem grandes chances de chegar à Câmara de Lisboa.
Se chegar, que não desaponte!
Sem imagem de perfil

De André Ferreira a 24.06.2009 às 18:03

Vai uma aposta? (pode crer que sim!!!)
Imagem de perfil

De Samuel de Paiva Pires a 24.06.2009 às 18:14

Não me admirava nada Sônia :)
Imagem de perfil

De João Pedro a 24.06.2009 às 18:34

O director de campanha será o seu irmão?
Imagem de perfil

De João Pedro a 25.06.2009 às 13:33

É o companheiro trovador Falâncio. Pelo que li é mesmo irmão do Jel, na vida real.
Sem imagem de perfil

De LUIS BARATA a 25.06.2009 às 16:31

Temos candidato! Este Jel e o irmão são do melhor que o humor nacional tem, completamente não alinhados nem vendidos à PT por atacado... ( Desculpem, mas já não posso com os MEOS ).
Sem imagem de perfil

De john a 25.06.2009 às 16:36

Também eu me fartei de rir ontem com esta entrevista. A parte da venda de caldos Knorr na tumba do Jim Morrison e de ir às lágrimas.
Sem imagem de perfil

De bom detective privado a 29.11.2011 às 01:59

boa onda + thanx!! disfrutei reler este artigo está fantastico.. agora já sou seguidor cempor-cento do site.. cumprs

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas