Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Um outro Portugal, verdadeiro e tão longe!

por Nuno Castelo-Branco, em 20.07.09

 Foram intérpretes, responsáveis portuários, comandantes da marinha, remadores das barcas reais, secretários do Rei e do Uparat (o segundo Rei), serviram o Phraklang (equivalente a ministro do comércio) e, depois, com o advento do Estado Moderno e burocrático, sobreviveram graças à inteligência, lealdade à coroa e reputação impoluta. 

 

Porto, 20 Jul (Lusa) - O presidente do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (IPATIMUP), Manuel Sobrinho Simões, afirmou hoje "todo o interesse" da instituição na cooperação científica com a Tailândia.

 
 

"Eles têm alguns tipos de cancro que nós também temos e em que nós talvez possamos ajudar. De momento podemos ser mais úteis para eles do que eles para nós. Mas a nós interessa-nos sobretudo estudar casos da Tailândia nos cancros que nos interessam, que são sobretudo os do estômago e da tiróide" disse.

Manuel Sobrinho Simões falava aos jornalistas no final da visita oficial ao IPATIMUP da princesa Chulapon Mahidon, filha mais nova do Rei da Tailândia, que fundou em 1987 o Chulabhorn Research Institute, a que preside, que se dedica à pesquisa em áreas como a bioquímica, biotecnologia, farmacologia, imunologia, a toxicologia ambiental ou a oncologia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:24







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Em destaque

  •  
  • Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas