Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 são ingovernáveis fora de regimes autoritários, dizia eu ontem ao João Pedro. Já os romanos o diziam dos lusitanos. Mas se é verdade que tendemos para essa síndrome de " cabeça dura ", ela não tem de ser  uma verdade absoluta. Ontem mesmo se falou na política de sucesso e ordem, em liberdade, que teve como rostos mais visíveis o monarca espanhol e o seu Primeiro Ministro Adolfo Suarez.. Hoje, num blogue de que gosto, encontro um artigo de que sobressai a frase "Siempre me ha llamado mucho la atención la respetabilidad absoluta que ha tenido el rey en la época moderna y su papel moderador".

Está tudo interligado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


8 comentários

Imagem de perfil

De António de Almeida a 30.10.2009 às 09:05

Existem 2 factores, latinos e católicos. O professor Pedro Arroja fez há uns tempos um retrato dos países católicos pouco abonatório. No entanto quando falamos em países católicos na Europa a Rep. Irlanda é incontornável, mas estes divergem por não serem latinos. Um case study, muitas dúvidas e poucas certezas...
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 30.10.2009 às 13:10

Complicado, António. Mas se houver uma figura que se imponha naturalmente, antes do mais pelo exemplo, em quem se confia, por o saber interessado apenas no bem comum, como me parece, pelos ecos que chegam de Espanha, ser o caso, - sabendo nós que há sempre os " do contra ", uma voz que se perde na imensidão -, talvez tudo se torne mais fácil. Complicado, no entanto, reconheço.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.10.2009 às 12:22

Os Lusitanos não eram antepassados dos portugueses, sendo um dos vários povos que viviam no actual território português antes da conquista romana. Quanto aos latinos são os povos com uma forte influência da cultura romana.

GP
Sem imagem de perfil

De .... a 30.10.2009 às 14:05

Os lusitanos ingovernáveis não eram latinos. Latinos eram os romanos que se queixavam da ingovernabilidade da Lusitânia.
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 30.10.2009 às 15:08

E se virmos as coisas assim: os romanos diziam que os lusitanos eram ingovernáveis, mas transmitiram essa fraqueza aos povos que dominaram ?
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 30.10.2009 às 15:15

... a alguns desses dominados: precisamente aos povos sobre os quais as marcas desse domínio foram mais profundas?
Sem imagem de perfil

De Luísa a 30.10.2009 às 22:55

Não virá muito, muito, a propósito. Mas aqui fica esta sugestiva frase de Ramalho Ortigão que ontem reli nas Farpas e que me lembrou logo da Cristina – além de me fazer reflectir nalguns dos meus próprios dilemas...: «Voltaire defendia as monarquias com a razão de que preferia servir um leão que tivesse nascido mais forte que ele, a ser devorado por cem ratos da sua espécie». :-D

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas