Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Reguadas à Esquerda

por John Wolf, em 16.10.15

138A_ruler_mlh.jpg

 

Apenas uma pequena nota: Se já há fracturas no seio do PS devido ao encosto de António Costa à Esquerda, no BE também deve começar a haver, pelo encosto de Catarina Martins à Direita. No caso da CDU ainda mais flagrante se torna, porque dada a distância, o encosto deve ser entendido à Extrema-Direita socialista. Estes arranjinhos de António Costa vieram mesmo confundir a régua que mede as distâncias ideológicas. Resta saber onde se vai encostar Sócrates? Tem de haver um lugar para ele agora que foi libertado. Sei que não foi muito oportuno, logo hoje que Costa vai à televisão dar continuidade ao golpe. Sinto no ar algumas coisas. Este fim de semana vai chover e nos próximos dias algo bastante surreal está para acontecer na cena política em Portugal. Ainda não vimos nada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:10


9 comentários

Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 16.10.2015 às 20:06

…e de rompante, o ex-44 declarará que será candidato a Belém.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2015 às 20:49

O Sócrates está prestes a ser acusado pelo Ministério Público.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.10.2015 às 21:05

Vivemos tempos históricos, mas também inquietantes. Creio que duas coisas vão acontecer: o PS vai-se esmigalhar e Cavaco Silva fará algo dramático. 
Desde o início dos anos 80 que não assistimos a nada assim, precisamente porque o consenso europeu entre o centro-direita e o PS (ou parte significativa dele) não existe mais - devido ao Tratado Orçamental - embora o PS não o assuma, mas na prática o demonstre, com a intenção de governar com o apoio da extrema-esquerda. Não há também consenso sobre as alianças a seguir no "jogo" europeu, e aqui temo que o PS esteja a empurrar o nosso país para uma aliança com os falhados da Europa, alinhando com os gregos e com os franceses, dos quais nada temos a ganhar.
Se houve algo que se conseguiu nos últimos anos, e que muito custou, foi que finalmente conseguimos descolar da associação que nos queriam fazer com a Grécia. E por isso, apesar da indefinição das últimas duas semanas, os mercados têm estado relativamente calmos dada a nossa situação. Já toda a gente percebeu que Portugal não é a Grécia, não vamos agora estragar isso também, por favor. 
As nossas instituições, apesar de tudo, são mais sólidas e credíveis do que as gregas, desde logo a presidência da República e isso deverá valer-nos nesta hora muito difícil, em que o eleitorado não quis dar uma maioria parlamentar à coligação, contando que houvesse um compromisso entre os partidos democráticos, mas que está a ser aproveitado pela esquerda para dar um golpe contra a vontade do povo.
Acresce a isto que Sócrates volta a andar livre e vai tentar recuperar o seu poder no partido, e por arrasto no país. Portugal corre um perigo enorme! Está na hora dos nossos patriotas ao acordarem para a vida!!
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 18.10.2015 às 17:20

A ideia de Sócrates ainda ter ilusões acerca do que a maioria silenciosa dele pensa - e aqui inclui-se uma boa parte do PS -, é sintomática daquilo que nunca deixou de ser esta personagem. 


Quanto ao resto, creio que não arrisco muito ao dizer que provavelmente a direita obterá dentro de seis meses a maior vitória eleitoral de sempre. Sabe do que tenho pena? De na noite do 25 de Novembro o sr. Melo Antunes se tenha precipitado para salvar a pele ao dr. Cunhal e respectivos acólitos. Desta forma, o abcesso manteve-se bem activo e o resultado está à vista. Não tenhamos ilusões: o pc é tão 5ª coluna - agora não se sabe bem de quem - como o sr. Vidkun Quisling foi na Noruega. Pior ainda, faz da traição um modo de sobrevivência e estou a referi-me ao período imediatamente anterior a 1974, quando ostensivamente alinhou com os inimigos declarados de Portugal. Quando fala da guerra "colonial", devia ter a consciência de que é responsável moral por boa parte das baixas que o nosso país sofreu nas cinco frentes de combate. 


Em suma, haja quem preserve a memória dos factos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.10.2015 às 20:27

Não duvide que a popularidade de Sócrates no PS é esmagadora. E mesmo junto dos eleitores socialistas e de muita outra gente de esquerda também é muito alta. A esquerda acha que a bancarrota foi um azar (é só mais uma uma...) e que a corrupção do Sócrates não tem nada de especial porque todos os políticos fazem o mesmo, e além disso não há provas contra ele. Isto ouvi eu de pessoas de esquerda. Ou seja, relativizam os problemas de carácter do Sócrates e toda a sua péssima governação, mas os políticos de quem não gostam, nomeadamente do centro-direita, não podem ter a mínima falha.


Não por acaso, os cartazes do Bloco e do PCP tinham o mesmo tipo de mensagem: "Gente séria" no caso do PCP, com a foto do Jerónimo de Sousa, e "Gente de verdade" no Bloco, com as figuras da Catarina Martins e da Mariana Mortágua. Quer isto dizer que eles é que são "sérios" e "impolutos", porque não têm estado no poder. Então devemos pensar assim: estes tipos têm sempre a mesma "cassete", mas são sérios. O pior é o que está por detrás de tanta "seriedade". Porque é que ao CDS, na sua fase mais eurocéptica em que se denominava como Partido Popular, lhe foi cortado o crédito bancário, mas um partido como o Bloco de Esquerda nunca teve problemas de financiamento? Será por causa dos contactos do Louçã na banca? Não era este que trabalhava para o Santander-Totta? 


Não sei se o centro-direita terá uma vitória assim tão esmagadora. A TVI divulgou esta noite uma sondagem que mostra que se as eleições fossem hoje o PaF teria pouco mais de 41% dos votos e o PS quase 33%. Só a CDU e os partidos que não conseguiram eleger deputados é que perderiam votos. Como vê, não é um cenário muito diferente do de 4 de Outubro... 
Sem imagem de perfil

De ANTIESQUERDALHA a 19.10.2015 às 22:38

O Taco Mariana Mortágua, vulgo, filha do BaTATA é mesmo gente séria. Corre-lhe nos genes. E o outro taquito, que tem cara de cão de rua, que levou um pontapé e não gostou, é também um pedacito de gente muito séria. A gaja nem se atreve  a comparar pensos higiénicos...


na verdade, seria um hilário ver estas bestuntas da beira da estrada, de charro na boca e ténis do decathlon a decidir os destinos do país, como se se tratasse de uma associação ESQUERDALHA do secundário!
Sem imagem de perfil

De José Domingos a 17.10.2015 às 15:16


É lamentável que os poucos patriotas que existem em Portugal, tenham pouco ou nenhum poder de decisão.
Os outros " patriotas", são-no na razão directa do valor do cheque.
Portugal e a nossa história, não merecia uma vergonha destas.
Sem imagem de perfil

De Armando Marques Guedes a 17.10.2015 às 22:41

nice, tanto o artigo, como o comentário anónimo dois acima deste.... de facto vai haver surpresas, suponho que boas, mas más para os princípios democráticos e a sua sobrevivência. 
Sem imagem de perfil

De ANTIESQUERDALHA a 19.10.2015 às 22:31

Reguadas à Esquerda (http://estadosentido.blogs.sapo.pt/reguadas-a-esquerda-3638872)?? Não.




Reguadas NA esquerda, essa NOJEIRA do bas fond buiça...

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas