Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Repugnante

por Samuel de Paiva Pires, em 12.11.17

Paddy Cosgrave não necessitava de pedir desculpa pelo jantar no Panteão Nacional. Existe enquadramento legal para este tipo de eventos e o jantar não poderia ter acontecido sem autorização da tutela, que também autorizou a NAV a organizar um jantar de gala no Panteão. Ademais, em eventos da magnitude da Web Summit, tudo é planeado ao pormenor com meses de antecedência, pelo que é óbvio que o Governo tinha conhecimento do jantar e autorizou-o. De todas as atitudes pouco edificantes com que o Primeiro-Ministro já nos presenteou, armar-se em virgem ofendida e tentar culpar o despacho proferido pelo governo anterior pelo sucedido, como se o Ministério da Cultura (em particular, a Direcção-Geral do Património Cultural) não tivesse de autorizar o jantar, é certamente das mais repugnantes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:00


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Weltenbummler a 12.11.2017 às 10:34

o web sumiu-se
disse ter falado com o ministro da cul tura
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.11.2017 às 13:07

Abutres no Panteão ... só após duas lautas jantaradas o desgoverno dá conta ? Reverteram tudo e mais alguma coisa, aliás ainda não governaram nada, fazer reversões e acordos de quadripé gerigoncial não é governar ... é equilibrismo ! Quem deu autorização não foi a Directora-Geral ? Alguém acredita que a Geringonça recebe ordens de Massamá ? Tenham-nos no sítio e assumam as borradas que fazem ...
Perfil Facebook

De Nuno Castelo-Branco a 12.11.2017 às 21:54

êNem sequer comentando a falta de gosto e de tino no organizar de um repasto cercado por cenotáfios ou tumbas, creio que existem muitos espaços monumentais para a realizaçãod e eventos. Mesmo o Mosteiro dos Jerónimos teria servido num único e exclusivo local: o Refeitório. Quanto a Queluz e à Ajuda, tm salas de sobra - a da tomadade posse dos sucessivos governos, por exemplo - para este tipo de coisas. Não pode valer tudo e isto inclui a escandalosa exibição de sucata a prazo há uns tempos exposta no novo Museu dos Coches. Só mais faltará que no anunciado núcleo de exibição das Jóias da Coroa, aproveitem o espaço para uma mostra da Van Cleef ou Cartier, por exemplo. Descaramento para isso é coisa que não falta.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.11.2017 às 22:43

Repugnante, melhor palavra para descrever esta atitude do nosso PM.
Lamentável a forma como sacudiu a água do capote culpando os do costume, ainda veio o outro pedir desculpas de toda a situação, que tristeza este país.

Comentar post







Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas