Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Azeite Sim, Crude Não!

por John Wolf, em 14.12.16

 

Petro Oleo45069-TRAT-FINAL-TEXTO-2-WEB.jpg

 

Cancelados os contratos para prospecção petrolífera na costa algarvia!

O azeite é o único crude de Portugal!

 

Todos os direitos reservados © Kondo, Wolf & Julião

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:44

CONVITE_JW_2015_ocre.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:01

Goya, Pomar e Rego

por Nuno Castelo-Branco, em 04.09.13

 

Luís Filipe I, por H. Daumier

 

Bem a propósito deste post do Samuel, de imediato sobram-nos recordações de leituras acerca da genialidade de pintores que como Goya, tão bem souberam estampar as grandezas e misérias dos poderosos. O  monumental quadro "A Família de Carlos IV", tem sido alvo do interesse de todo o tipo de curiosos pela psique e fisionomia do bicho homem, desdobrando-se os críticos em considerações pouco elogiosas para com os membros da Casa de Bourbon, invariavelmente tombando na velha e praticamente exclusiva pecha da consanguinidade e respectivos nefastos efeitos. Por vezes os textos transpiram eugenismo, lombrosianismo e outros ismos que durante todo o século XX conduziriam a toda uma série de magnicídios de difícil assunção por parte dos estrénuos partisans da modernidade, justiça e equidade, enfim, daquele progresso aparentemente garantido como inevitável, mas sempre acompanhado por condimentos daquele sórdido pendor pró-selvagem que jamais deixou o Homo sapiens.

 

O adular das massas amorfas, entendidas sempre pelas privilegiadas cabeças pensantes como avessas a qualquer resquício de grandeza - seja ela física, moral ou material -, impôs a canga do permanente escárnio de quem não conforma o modelo idealizado. Assim, sempre existiram e existirão Honorés Daumiers, Goyas ou Bordallos Pinheiros ansiosos pelo elevar à condição de arte suprema, o denegrir de personalidades consideradas odientas, elimináveis. Nem sempre coube ao pincel, ao escopro e martelo ou à pena que risca papéis com tinta da China, a missão da destruição de reputações. Sem voltarmos a tecer quaisquer considerações acerca da intencional criminalização de D. Carlos I por Junqueiro, há que recordar as violentas diatribes que um dia V. Hugo fez tombar sobre a memória daquele que talvez tenha sido o maior estadista francês pós-Napoleão I, precisamente o seu bem esclarecido sobrinho Luís Napoleão Bonaparte (III). 

Todos nós possuímos fotos que gostamos de mostrar e outras que por mero acidente decidido pela oportunidade de um esquecimento, para sempre ficarão num envelope no fundo da gaveta.

 

Não sendo aquilo a que vulgarmente se designa de "uma beleza de hortaliça", Hollande é dono e senhor de uma grande quantidade de testemunhos fotográficos, nalguns surgindo de uma forma aceitável - aquele homem sans aucun intérêt que faz parte da imensa maioria dos mortais - e outras que foram captadas num mau momento que o artista por detrás da câmara, gulosamente registou. Uma má foto, forçosamente não representa um imbecil, talvez se trate apenas d'un bon à rien.

O problema estará então na intencionalidade de quem não recorrendo aos rolos fotográficos ou às benesses tecnológicas do digital, procura exprimir numa tela aquilo que vê, sente ou presente numa dita personalidade que a muitos ou a quase todos interessa. 

 

Entre nós e felizmente ainda vivos e activos nos seus misteres, Júlio Pomar e Paula Rego deixaram à posteridade as suas percepções acerca de geniais e quase sacrossantos vultos que têm pontificado este regime de prometidas oportunidades de igualitarismo e progresso imorredouro. Não poderemos garantir seja o que for quanto a um rebuço de maldade, escárnio, afincado estudo psicológico ou mensagem enviada aos vindouros pelos dois pintores contemporâneos. Serão Mário Soares e Jorge Sampaio aquilo que as duas telas, goyesca, ostensiva e escandalosamente exibem?

 

Se para alguns a resposta for afirmativa, então nem sequer precisará alguém de gritar ...o Rei vai nu! 


 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:58

Beleza portuguesa

por João Quaresma, em 17.08.13

Não se trata de mais um filme promocional do Turismo de Portugal mas tão simplesmente de um video feito por um fotógrafo de natureza britânico durante a sua estadia em Abril. E o resultado é um regalo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:10

Sena da Silva e o mundo imperfeito

por John Wolf, em 23.05.13

Quando um curador de uma exposição não teve a felicidade de conhecer o autor, por vezes pode ser fatal. Sérgio Mah revela grande infantilidade na análise que faz da obra de um dos grandes Portugueses. Não estabelece a ligação clássica da obra, por exemplo, com Cartier-Bresson, e como não perguntou a quem poderia responder, não sabe que António Sena da Silva era um fã de Jacques Tati e Woody Allen. Não sabe qual a relação de António com a viatura italiana Isetta. E também não sabe que o António (e a sua mulher Leonor) sabiam apreciar as coisas simples da vida, como comer um prego pela manhã acompanhado por uma taça de tinto na tasca da esquina. O curador, na minha opinião, não fez o trabalho de casa adequado, e na selecção de fotografias, que tive a ocasião ver expostas, é nítida a sua intenção de "modernizar" o fotógrafo. Um fotógrafo do calibre de Sena da Silva é intemporal. Os jornalistas, que também não fizeram o que lhes competia, meteram os pés pelas mãos com o título do artigo - O Fotógrafo Indisciplinado. Sinto tudo isto como um péssimo serviço prestado à memória de um senhor que tive o privilégio de conhecer. Uma exposição, realizada e relatada deste modo, coloca fotografias nos murais, mas perde o homem que se encontrava por detrás da objectiva, do subjectivo...

 

* auto-retrato do autor

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:48

Moçambique

por Nuno Castelo-Branco, em 04.05.13

O meu pai em manobras no mato, imediações de Vila de Manica (Manica e Sofala, Moçambique, 1955). Este uniforme é muito  parecido com aqueles usados pelo 8th Army e pelo   Afrika Korps na campanha da Líbia. A arma parece ser uma Lee Enfield (ou será uma Mauser?). 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

Moçambique

por Nuno Castelo-Branco, em 03.05.13

 

Vila de Manica (Manica e Sofala, Moçambique, 1955). Em pé, à direita, o meu pai. De braços cruzados, o tenente Bettencourt, grande amigo dele. Comunista, acabou por ir viver para França. Muitos anos mais tarde procurou-nos em Lisboa (1977) e fomos pelo meu pai avisados para evitarmos "conversas políticas". Eles era um velho amigo e não valia a pena "vocês arranjarem sarilhos, há outras coisas para falarmos". Pois havia. O Bettencourt chegou acompanhado pela sua mulher francesa, a Elisabete Medvedev. Contou o que se tinha passado na sua vida durante vinte anos, a sua estadia na URSS, o golpe de Praga. Da boca dele escutámos coisas que nem a Vera Lagoa diria. O conhecimento do "paraíso soviético" in loco, alterara as suas convicções e de que maneira! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

Moçambique

por Nuno Castelo-Branco, em 02.05.13

Quartel de Vila de Manica (Manica e Sofala, Moçambique, 1955). O meu pai e uma gorda lombriga. Ao fundo, um Jeep com a matrícula MG-45-22. Ainda existirá?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

Moçambique

por Nuno Castelo-Branco, em 01.05.13

 

Em Vila de Manica (Manica e Sofala, Moçambique, 1955). Os cipaios. O meu pai é o segundo a primeira fila, agachado e de capacete colonial. Belos uniformes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

Instantes

por João Pinto Bastos, em 12.04.13

Hemingway e Robert Capa

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:40

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 24.03.13

Zita. Viena, 1916

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 10.03.13

O povo português. Ana Maria (Lourenço Marques, 1967)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 24.02.13

Maria Adelaide, Grã-Duquesa do Luxemburgo

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 17.02.13

Irina Youssoupova, S. Petersburgo, 1916

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 10.02.13

 

Tatiana Romanov, S. Petersburgo, 1916

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 03.02.13

Olga Nicolaevna Romanov  (s. Petersburgo, 1916)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:55

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 27.01.13

Elizabeth de Hesse-Darmstadt (Elizabeth Feodorovna)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Ao Domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 20.01.13

São Petersburgo, antes do crime

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Ao domingo

por Nuno Castelo-Branco, em 13.01.13

O.T.M.A.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

A terapia fotográfica do isolamento humano

por João Pinto Bastos, em 08.01.13

Andreas Gursky, Schiphol, 1994

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:40






Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas