Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O sonho de Jerónimo de Sousa

por Nuno Castelo-Branco, em 24.09.12

Aqui está mais um exemplo a somar à sempre querida Cuba e ao delírio democrático coreano tão abertamente reabilitado por Bernardino Soares. Em paragens bem próximas e fronteiriças da União Europeia, existe uma espécie de Bordúria - de seu verdadeiro nome Rússia Branca - que é um modelo a seguir para a "nova democracia" que alguns dos nossos manifestantes tanto almejam. Com uma diferença: na Bielorrússia, quando as garrafas de cerveja se escaqueiram no chão, têm um significado bem diverso. O PC que o diga, é perito na matéria.

 

Minsk proporciona hoje, uma boa ocasião para uma champanhada na Soeiro Pereira Gomes. Nem um candidato da oposição foi eleito. O defunto sr. Honnecker sempre sabia disfarçar, organizando uma Câmara "do Povo" com umas excentricidades vermelhas, mas ostentando curiosas siglas como CDU, NPDP, etc. Bravo, Lukashenko não está para rodeios!

 

publicado às 18:46


8 comentários

Imagem de perfil

De jojoratazana a 24.09.2012 às 19:16

O Sr. tem provas do que afirma?
Apresente-as, caso contrário não passa de mais um aldrabão, dos muitos que por ai andam.
Imagem de perfil

De Nuno Castelo-Branco a 24.09.2012 às 19:41

Tenho. Basta ler o Avante. Ficamos logo com a certeza daquilo que os senhores pretendem. Repito, pretendem. Sabe perfeitamente que aquilo que digo é a verdade. Já agora, admitiria a existência do CDS, PSD e PS nos moldes de hoje e com eleições absolutamente livres como no resto da Europa? 


* Ena, jojo, hoje veio muito lesto, apenas uns minutos apó o post. 
Imagem de perfil

De jojoratazana a 24.09.2012 às 20:30

Não existem?
Tem algum documento do PCP, em que este renegue  o sistema partidário?
Já o contrário é uma realidade, basta olhar para os partidos do arco do poder, pondo de parte o PCP.
Assim como o seu exemplo, é democrata?
Não é, nem sabe o que é uma democracia, conforme revela este seu post, demente.
Sem imagem de perfil

De Che das Bjecas a 24.09.2012 às 19:46

Em 1975 eles limparam o sebo ao MRPP e ao PDC. Só não foram mais longe, porque não puderam.
Imagem de perfil

De jojoratazana a 24.09.2012 às 20:32

Vai mais uma bjeca?
Sem imagem de perfil

De Zita Çiabra a 24.09.2012 às 21:24

Nuno, acha mesmo que, por exemplo, que aqui a Rita é moça para mandar fuzilar sumáriamente metade dos portugueses no dia em que o PCP formar governo?


http://www.youtube.com/watch?v=NbSpK1tpBLs

http://p3.publico.pt/actualidade/politica/2803/rita-rato-se-nao-fosse-o-partido-talvez-ja-tivesse-emigrado
Sem imagem de perfil

De Che das Bjecas a 24.09.2012 às 23:08

Coitadinha da Rita, nunca a tinha ouvido dizer uma palavra. Gostei da entrevista, se não fosse o PC a dar-lhe a mesa, tinha ido para fora. Outra oisa gira é dizer que vive sm o ordenado de deputado." Sendo deputada do PCP, não aufiro rendimento de deputada. Vivemos exactamente com o mesmo rendimento que vivíamos antes.”


Já agora, antes de subir ao poleiro, vivia de quê? Pode-se saber?
Sem imagem de perfil

De Zita Çiabra a 24.09.2012 às 23:49

Também o Álvaro Cunhal dizia viver com o ordenado minimo nacional....se a memória não me atraiçoa a frase de Cunhal que fez sucesso no país foi "Ganho o mesmo que uma camarada da limpeza, ganho o ordenado minimo", proferida numa entrevista na RTP a Joaquim Letria.

Comentar post







Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas