Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




« Esta é a ditosa pátria minha amada »

por Cristina Ribeiro, em 10.06.13



                                                                « A Raça »


E que é a Raça?

- Aquela verdadeira,

Primeva criatura ( a um tempo, graça,

Paixão e Sangue, e Fogo de Lareira,

E Realidade, e Dogma, e Mistério )

Que Deus formou por sua própria mão;

Toda um sopro de Espírito Sidéreo

E montanhoso Corpo da Nação.


A Raça é esta força ignota e imensa

Que em multidões se esparge; ou se condensa

Em perfeito modelo:

O Herói, o Poeta, o Santo:

A súmula de quanto

Num Povo houver de imorredoiro e belo


...............................................................

.......................................................................


Matriz de Povos, Moto de Nações,

Tal como as forma, ela reforma as gentes,

Levando-as à presença dos Ausentes:

Quer ao Passado obscuro,

Quer já preconcebendo entre os Presentes, 

As feições do Futuro

          

                   António Corrêa d'Oliveira in « Pátria »

publicado às 01:13


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Duarte Meira a 10.06.2013 às 18:30

« É vossa Pátria uma árvore
Que deu sombra a todo o mundo;
- Raízes de nove séculos
Hão-de ir mais longe e mais fundo.

As raízes são o Povo;
Tronco em cerne, a antiga Raça;
Seus frutos , o herói e o santo
À luz da Fé, sol da Graça.

(...)

Ó Povo! Sê como foste;
És Terra? Sê como a terra!
A nuvem que importa? Ensombra,
Não muda os vales em serra.

Sê tu o firme rochedo
De encontro à onda que passa;
Se ela crescer... Saiba, um dia,
Como um rochedo a espedaça!

Vive a teu modo. Não tomes
De estrangeiro a estranha ideia;
Alma e corpo têm medidas:
Não lhes serve a roupa alheia.

Ara, fia, reza  canta.
Crer, amar e trabalhar,
São os três degraus da vida
Que fazem dela um Altar.

(...)

Toma um rumo. A Vara é guia,
Seja ao sol, em tronco, em flor,
Seja em mastro de navio
Ou cajado de Pastor.

Escolhe. Mas obedece
Depois que entregaste o Mando;
O povo é como a família:
Quer um só Pai, governando. »


António Corrêa d 'Oliveira, É Portugal Quem Vos Fala, 1919.
Imagem de perfil

De Cristina Ribeiro a 10.06.2013 às 21:55

E a precisar de ser ouvido mais atentamente, esse Portugal.

Comentar post







Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas