Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais uma para a Lisboa Arruinada

por Nuno Castelo-Branco, em 25.01.12

A mais bela joalharia da capital vai fechar. Os espanhóis que compraram o edifício, juram a pés juntos - juras numa língua esquisita valem o que valem - "tudo manter" e de preferência, pretendem instalar um negócio similar ao até agora existente, ou algum outro que se adapte ao espaço. Fala-se acerca da "segurança" que representa estar no Inventário Municipal, como se isso fosse alguma garantia. Quantos prédios já foram demolidos após a sub-reptícia retirada do dito inventário? Será este espaço apenas mais um na contabilidade cataclísmica?

 

Esperamos para ver, mas sem grande esperança, pois na Câmara Municipal de Lisboa, pouco confiamos. Pouco, não. Nada! Se nem o Público consegue extrair uma única palavra daqueles intérpretes de gente...!

publicado às 00:04

Lisboa destruída: Agora é uma cruz suástica

por Pedro Quartin Graça, em 02.03.11

MPT-LISBOA exige explicações sobre cruz suástica na Almirante Reis

 

Na sessão de ontem da Assembleia Municipal de Lisboa, o Deputado Municipal John Rosas exigiu explicações sobre o aparecimento de uma cruz suástica na calçada na zona da Avenida Almirante Reis. Na sua intervenção sobre a Informação Escrita do Presidente da Câmara, John Rosas afirmou:
"Não poderia deixar de questionar directamente o Senhor Presidente sobre a razão da existência de uma cruz suástica gravada na calçada à portuguesa no passeio norte da Praça João do Rio.
"Para além de entendermos tratar-se de uma ofensa grave à cidade de Lisboa e aos seus munícipes, o Partido da Terra questiona a forma como são geridas as intervenções no espaço público por parte da câmara, seja como intervenientes directos nas obras seja como entidade fiscalizadora das mesmas. 
"Face ao exposto, Senhor Presidente, o Partido da Terra exige o apuramento das responsabilidades inerentes, bem como a imediata intervenção dos serviços camarários no sentido de removerem tamanha ofensa à dignidade da pessoa humana, da cidade de Lisboa e dos seus munícipes!"

E, como se não bastasse já esta questão, e bem mais grave, o MPT interregou também António Costa, sem resposta por parte deste, sobre a supressão de carreiras da CARRIS a partir já deste sábado.

publicado às 12:52

Novo monstro no Largo do Rato

por Nuno Castelo-Branco, em 04.07.08


A imagem, mostra como ficará uma parte do Largo do Rato, após a construção do horrível, monstruoso e ordinário edifício projectado para a zona compreendida entre o chafariz do palácio Palmela e a Av. Alexandre Herculano.  É mais uma humilhação infligida à cidade de Lisboa que se vê completamente descaracterizada, com a criminosa complacência das autoridades responsáveis pela sua preservação. Corre na net uma petição online "Salvem o Largo do Rato" que urge apoiar.

 

publicado às 21:55






Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas