Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ataque de hackers do Shaolin ao MNE

por John Wolf, em 10.12.13

Não sei o que procuram os chineses nas gavetas de Rui Machete. Uma factura da EDP por cobrar? Uma carta por enviar com um pedido de desculpas? Mas devemos começar a pensar alto por que razão os hackers de Shaolin estão tão interessados na troca de correspondência do ministério dos negócios estrangeiros. Por outro lado, pode ter sido uma simulação por forma a dar a impressão que Machete é um player de respeito no tabuleiro geopolítico. Trabalham para quem estes maoístas? Para a National Security Agency? Terá sido um outsourcing por ajuste directo de contas antigas? Tudo isto é muito misterioso, mas não nos deve espantar. A República Popular da China já tem muitos interesses por defender em Portugal e convém tomar algumas precauções. Não vá haver algum leakage involuntário que possa comprometer futuros negócios líquidos ou não. De qualquer forma, em termos de percepção ou de classificações de instituições com matéria sensível a proteger, Portugal deve já estar no top 15 deste ranking de fífias. Não sei se a Judite Estrela - perdão, Edite Estrela -, tem razão, ao afirmar que ninguém sabe quem é Nuno Melo no Parlamento Europeu, porque pelos vistos estes chineses sabem-na toda. Este emaranhado de temas que para aqui trago parece que não tem ligação, mas aposto que tem. Talvez seja boa ideia perguntar à Ana Gomes se ouviu falar de alguma coisa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:37

Agência de rating NSA dá nota máxima a Portugal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:41






Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

Links

Estados protegidos

  •  
  • Estados amigos

  •  
  • Estados soberanos

  •  
  • Estados soberanos de outras línguas

  •  
  • Monarquia

  •  
  • Monarquia em outras línguas

  •  
  • Think tanks e organizações nacionais

  •  
  • Think tanks e organizações estrangeiros

  •  
  • Informação nacional

  •  
  • Informação internacional

  •  
  • Revistas


    subscrever feeds